Olá viajantes, tudo bem? Para quem não me conhece, eu me chamo Mari Ribeiro e sou nascida e criada no Rio de Janeiro. Como boa carioca que sou, hoje vou dar 10 dicas de passeios incríveis e gratuitos no Rio de Janeiro, para que voc aproveitar sua viagem na cidade sem gastar nada (ou quase nada, rs).

Cristo Redentor – Photo by Raphael Nogueira on Unsplash

O Rio de Janeiro é conhecido mundialmente como a cidade maravilhosa, e não é para menos. A cidade é repleta de paisagens super incríveis, praia para todos os gostos, trilhas, museus e muito mais. Entretanto, suas principais atrações tem se tornado cada vez mais caras, prejudicando o orçamento dos viajantes.

Dessa maneira, venho compartilhar com vocês, os melhores lugares gratuitos do Rio de Janeiro, admirados por turistas e moradores da cidade.

Centro / Santa Teresa

O Centro é palco de muita história, cultura e arte, uma vez que a cidade foi capital do Brasil por 200 anos. A região conta com grande acervo histórico sobre a colonização e chegada da família real portuguesa.

Para conhecer melhor sua rica história, o melhor é fazer tour guiado pela cidade. Durante o passeio é possível conhecer a Candelária, Centro Cultural Banco do Brasil, Biblioteca Nacional, Real Gabinete de Leitura e muito mais.

Centro Cultural Banco do Brasil – exposição Pixar

O Porto Maravilha, área que foi totalmente revitalizada para as Olimpíadas de 2016, tem chamado a atenção de turistas. A área concentra o famoso Mural Etnias, do Kobra, o Museu do Amanhã e a recente Roda Gigante da cidade.

Já em Santa Teresa, uma das principais atrações no bairro é o Parque das Ruínas. Palco de atividades musicais e culturais, o parque possui um mirante maravilhoso, de onde se avista o Centro, a Lapa e todo o contorno da Baía de Guanabara.

Lapa

O que dizer da Lapa? Para mim é simplesmente o melhor do Rio. O bairro, berço da boemia, conta com uma enorme diversidade cultural e ritmos, com casas e rodas de samba às boates de heavy metal ou música eletrônica.

O Circo Voador e a Fundição Progresso, tornam a região palco das melhores festas e shows da cidade.

A região conta com muitos bares e restaurantes, mas se você está indo curtir uma balada, a pedida são as barracas sob os Arcos.

As barraquinhas de cervejas, drinks e churrasquinhos, é parada obrigatória para fazer aquele esquenta no início da noite e salvam a quando bate aquela fome depois da balada.

Ponto Positivo: Se a sua viagem ocorrer entre o primeiro sábado do mês, você poderá visitar também a famosa feira do Rio Antigo, ou também conhecida como Feira do Lavradio.

Ponto negativo: Por ser uma região de bastante movimentação turística, é alvo de muitos roubos e furtos. Ande sempre atento e evite exposição de dinheiro e aparelhos eletrônicos.

Aterro do Flamengo

O Aterro do Flamengo, inaugurado em 1965, se tornou mais do que vias expressas que ligam as zonas central e sul da cidade do Rio de Janeiro. Atualmente a área é considerada um complexo de lazer e esportes para a população.

Além das ciclovias e quadras de esporte, o local reúne algumas atrações turísticas, tais como: a Museu de Arte Moderna, a Marina da Glória, Monumentos aos Pracinhas, entre outros.

Aterro do Flamengo

Aos domingos e feriados, entre 7:00 às 18:00, as vias são bloqueadas para o trânsito, tornando a região na maior área de lazer da cidade.

Mureta da Urca

Localizada no bairro da Urca, a Mureta é muito frequentada por jovens que gostam de tomar aquela cervejinha depois do trabalho ou faculdade. Ótimo lugar para assistir também ao por do sol com uma vista privilegiada da cidade.

Anoitecer na Mureta da Urca

Trilhas

Existe melhor opção de passeios incríveis e gratuitos do que as trilhas? O Rio de Janeiro é cheio de morros e vegetação natural, o que torna a cidade favorável para a realização de trilhas.

Existem trilhas para todos os gostos e níveis de dificuldade, do mais fácil ao nível mais avançado. Entretanto, o importante é não deixar esses passeios de fora da sua lista e conferir pelo menos uma delas na sua ida à cidade.

As mais conhecidas na cidade são:

Zona Oeste: Pedra do Telégrafo, Praia do Perigoso.

Zona Norte: Vista Chinesa, Parque Nacional da Tijuca

Já Zona Sul: Morro Dois Irmãos, Pedra Bonita, Parque da Catacumba, Pedra da Gávea, Cachoeira do Horto, Morro da Urca.

Lagoa Rodrigo de Freitas

Rodrigo de Freitas é o nome da lagoa, que fica localizada na zona Sul da cidade carioca. Em virtude de seus 8km de extensão, a lagoa é muito utilizada para a prática de esportes náuticos como, por exemplo, canoagem e remo. Entretanto para os mais chegados em terra firme, é possível a prática de corridas e pedaladas.

O local é muito popular entre os cariocas, pois possui uma área de lazer, recreação infantil e um local chamado Parque dos Patins, para os amantes do esporte.

É um ambiente perfeito para sentar e desfrutar de um delicioso pique-nique e admirar a paisagem deslumbrante da cidade.

Parque Lage

Parque Henrique Lage , ou simplesmente Parque Lage, também é considerado um dos passeios gratuitos e incríveis da cidade. O parque possui uma trilha exclusiva ao Cristo redentor, em virtude de sua localização aos pés do morro do Corcovado.

Parque Lage: Foto Google

Tombado como patrimônio histórico e cultural da cidade do Rio de Janeiro,  o parque possui uma área com mais de 52 hectares de vegetação e abriga a  Escola de Artes Visuais.

Mirante Dona Marta

Um dos principais pontos turísticos mais visitados da cidade é o Mirante Dona Marta. De fato é um dos passeios gratuitos mais incríveis da cidade.

Do seu mirante é possível ver, não só o Pão de Açúcar e Cristo Redentor, como também toda a extensão da Baía de Guanabara e Lagoa Rodrigo de Freitas. Uma vista panorâmica da cidade, sem dúvida, de tirar o fôlego de turistas e moradores da cidade.

Vista Mirante Dona Marta

Praias

Cidade mundialmente conhecida pelo calor, suas praias são uma ótima pedida de passeios gratuitos e incríveis.

Pôr do Sol em Copacabana

Ao longo das praias existem vários quiosques pelos calçadões, pessoas praticando esportes, vendedores ambulantes dos mais variados tipos de comidas e bebidas e ciclofaixa. Não há como visitar o Rio de Janeiro, sem desfrutar de um momento à beira da praia.

Praia de Copacabana

A Praia de Copacabana, conhecida pelo seu calçadão feito com pedras portuguesas pretas e brancas, é a maior em sua extensão e tem uma longa faixa de areia, que durante o verão fica lotada de pessoas.  

Sua ponta esquerda é também conhecida como Praia do Leme. Já em seu outro extremo, na altura do posto 6, está localizado o Forte de Copacabana. Lá é possível tirar fotos com a estátua de Carlos Drummond de Andrade e desfrutar de um delicioso café na Confeitaria Colombo (opção para quem deseja comer em um dos locais mais famosos da cidade, porém os preços são mais salgados que a água do mar).

Estátua Carlos Drummond de Andrade – fonte Google

Praia Ipanema

Praia bastante badalada no Rio, muito frequentada por artistas, jovens, turistas. Seu posto 9 é um dos locais da cidade mais conhecidos e destinado ao público LGBT+.

Praia de Ipanema

Se você deseja admirar o pôr do sol, a Pedra do Arpoador, é o local perfeito. Ao entardecer, muitas pessoas sobem à pedra e aguardam o espetáculo magnífico ao fundo do morro Dois Irmãos. É algo realmente, sem palavras!

É claro que existem diversas praias maravilhosas pela cidade do Rio, como por exemplo, as praias da Zona Oeste. A cidade tem tantas praias que seria difícil falar sobre todas.

O que acharam dessas dicas? Deixem seus comentários, suas dúvidas e opniões. E até a próxima viagem!

Confira também outras dicas aqui do blog como: Dicas para organizar uma Viagem pela América do Sul

Você também pode gostar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.