Olá galera, quer viajar para o Brasil com o seu pet, mas não sabe nem por onde começar, então acompanha aqui as dicas desse post que eu vou te explicar todo o passo-a-passo.

Só quem tem pets e gosta de viajar com seus melhores amigos, sabe o quanto é complicado e cheio de preocupações, o processo para levar animais em viagens. Mas hoje eu venho trazendo aqui minha experiencia e vou ajudar vocês a descomplicar esse processo.

Para quem não me conhece, há dois anos me mudei para a Alemanha e meus três cachorros embarcaram nessa jornada comigo. Quando estávamos planejando nossa viajem de férias para o Brasil, deixar os cachorros na casa de conhecidos ou em hotel não era uma opção. Primeiro, pois são três animais e hotel sairia mais caro do que levá-los e segundo, passaríamos cerca de um mês no Brasil e deixá-los todo esse tempo na casa de alguém seria muito estressante para eles e principalmente para a pessoa.

Já era certo, eles iriam de férias com a gente, mas qual o procedimento para viajar com animais para o Brasil?

Antes de mais nada, caso você nunca tenha viajado com seu pet, então confere no meu post as dicas de como viajar com seu pet para a Europa. Mesmo que você não viaje por agora, tem algumas etapas que já podem ser adiantadas até chegar o grande dia da viagem.

Visitando o Brasil

Como moramos na Alemanha, vou me basear na minha experiência por aqui, mas o processo é bem parecido quando realizado em outros países da Europa.

Passo 1: Reunir informações

O nosso primeiro passo foi procurar no site da Vigilância Agropecuária (VIGIAGRO) algo relacionado a entrada de animais de estimação no Brasil. Nele consta toda a documentações e exigências do governo brasileiro para autorização de entrada de animais no Brasil.

Aqui vão alguns links para facilitar a busca de vocês.

Vigilância Agropecuária do Brasil

Requisitos Sanitários para ingressar ao Brasil

Modelo de Certificado Veterinário Internacional

Passo 2: Controle Sanitário

As duas principais exigências sanitárias para entrada de animais no Brasil é a vacinação antirrábica e tratamento parasitário.

Para entrada no Brasil é necessário que o animal com mais de 90 dias de vida tenha sido vacinado contra a raiva e submetido, dentro dos 15 dias anteriores à data de emissão do CZI, a um tratamento eficaz de amplo aspecto contra parasitas internos e externos, utilizando produtos veterinários aprovados pela Autoridade Veterinária do País Exportador.

Tratamento Parasitas Internos e Externos

Para isso é necessário levar seu bichinho em um veterinário, pois você precisará comprovar que esses remédios foram aplicados.

Lembrando: se você pretende voltar com seu animal para a Europa é muito importante que você tenha certeza que a sorologia da raiva ainda está válida. Para entrar no Brasil não é necessário ter a sorologia, mas você não conseguirá sair do Brasil com ela vencida.

Atenção: Uma vez que você testou a sorologia da raiva no seu animal, ela é válida por toda a vida do mesmo, caso você mantenha a vacinação dele em dia. Se você perder a data de uma vacina, após ter feito a sorologia, terá que repetir tooodo aquele processo de testagem e quarentena novamente. Então, fique atento!

Passo 3: Atestado de saúde

Após o controle da vacina e aplicação do vermífugo, o animal deve ser submetido, dentro dos 10 dias anteriores à data de emissão do CZI, a um exame clínico. Para isso você precisa ir com seu animal até um veterinário oficial.

Isso mesmo, somente um “veterinário oficial“ (em alemão “Amtstierarzt“), é autorizado pelo governo a emitir o laudo veterinário específico que ateste que o animal se encontra clinicamente saudável, sem evidências de parasitose e que está apto para realizar viagens.

Atestado de Saúde para viagem

Diferentemente do Brasil, onde o veterinário comum emite um atestado de saúde do animal para que o veterinário oficial possa emitir o CZI, aqui na Alemanha foi um pouco diferente. O atestado de saúde é emitido diretamente pelo Veterinário Oficial no dia da realização do CZI.

Para achar um veterinário oficial aqui na Alemanha, eu entrei no site da prefeitura da minha cidade e procurei por Veterinäramt. A consulta mais a emissão do CZI custaram 15 euros por animal.

Os documentos necessários na visita ao Veterinário Oficial são os dados relacionados ao seu voo como; número do voo e países de conexão, se tiver, e os dados referentes ao animal como; a caderneta de vacinação/passaporte europeu do pet, o número do microchip, o comprovante de vermífugo e, é claro, o animal precisa estar presente.

Depois disso tudo pronto é só aguardar o grande dia. E boa viagem!

Retorno ao Brasil

Se você só foi passar férias na Europa com seu pet, o CZI emitido para sair do Brasil para um dos países da União Européia, agora te dá direito de regressar ao Brasil por 60 dias, desde que a vacina antirrábica esteja válida.

Se você irá retornar para a Europa com seu pet depois da visita ao Brasil, outro CZI deve ser retirado na VIGIAGRO. Agende logo assim que chegar ao Brasil, para conseguir vaga.

Espero que esse post tenha te ajudado a entender esse processo… Dúvidas? Deixa aí nos comentários.

Você também pode gostar:

2 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.